João Calixto (Foto: Divulgação)

On The Go aposta em pesquisas humanizadas por chatbots para transformar a experiência do usuário e do cliente

Empresa acaba de lançar um novo modelo serviço de pesquisa de mercado online por assinatura trazendo mais agilidade aos processos de investigação e permitindo que empresas se conectem com seus clientes em diversos formatos e de qualquer lugar 

Transformar a pesquisa digital em algo inovador e inspirador. Esse sempre foi o principal objetivo da On The Go, empresa que utiliza a tecnologia de chatbots para tornar a experiência de responder uma pesquisa de mercado mais natural e interessante, e até prazerosa.

“Hoje, ninguém tem tempo de preencher senhas, baixar apps e acessar vários sites para responder pesquisas. O que fazemos é levar a pesquisa para um ambiente onde as pessoas já estão, através dos chats e, por meio do uso de inteligência artificial e abordagem conversacionais, tornar o processo que envolve a pesquisa em si muito agradável, seja para clientes ou  e respondentes, que podem dar sua opinião nos mais diversos produtos – e de qualquer lugar”, diz o CEO da On The Go, João Calixto, que conta já ter desenvolvido pesquisas em latas de alumínio para uma multinacional de bebidas através de de QR code, por exemplo.

“Fora o atendimento ao cliente, as empresas começaram a perceber que os chatbots também podem ir além. Quando bem construídos, são capazes de gerar conversas genuínas e profundas com as pessoas, o que é excelente para uma pesquisa, promovendo um relacionamento muito mais consistente com o seu cliente”, complementa Calixto.

O mercado de bots vive um momento de crescimento. No ano passado, segundo o Mapa do Ecossistema Brasileiro de Bots 2021, o número de chatbots criados dobrou: enquanto em 2020 foram 101 mil novos bots, em 2021 foram registrados 2016 mil. Já o tráfego mensal de mensagens trocadas entre esses bots e as pessoas cresceu 27%, chegando a 2,8 bilhões. Ainda de acordo com o levantamento, cada chatbot conversa, em média, com 5,5 mil pessoas por mês, trocando 58 mil mensagens no mesmo período.

O Brasil é um dos principais mercados de bot do mundo, pois 71% dos brasileiros acessam a internet apenas pelo celular, o que faz com que as interfaces conversacionais sejam muito usadas.

“O chatbot é uma ferramenta mais democrática, com curva de aprendizado relativamente menor do que outras interfaces visuais como apps. Dessa forma, mais pessoas conseguem interagir com qualidade, sem necessariamente ter que aprender uma nova lógica a cada novo aplicativo”, explica ele, acrescentando que as aberturas de APIs (Interfaces de Programação de Aplicações) são o grande facilitador da entrada da nas empresas. “E, além da máquina de entrevistar, também conseguimos transmitir dados estratégicos em tempo real para os núcleos de inteligência, já que colocam os bots onde os usuários estão”, completa Calixto.

Por isso, a On The Go vem se tornando uma das principais empresas de pesquisa de mercado do mundo. Criada em 2016, ela vem dobrando de tamanho a cada ano. Em 2021, cresceu 130%, se comparada a 2020, num total de 500 projetos realizados no ano passado. Na lista de clientes, gigantes como Ambev, Nestlé, DPSP, Quinto Andar, Hashdex, OESP, Dasa, Wunderman Thompson, Almap BBDO, entre outros.

“A novidade, para 2022, é que passamos a comercializar o On The Go por um modelo de assinatura em diversos níveis, os chatbots conversacionais e o acesso a uma rede global de respondentes, ou seja, a empresa paga um valor mensal para ter o serviço que precisa. As pesquisas também são totalmente personalizadas, o que confere uma originalidade e maleabilidade de perguntas que podem se adaptar a descobertas  comportamentais, de satisfação, avaliações de marca, testes de conceito, entre outras aplicações”, afirma.

Além do mercado brasileiro, a  empresa já realizou projetos em países como Portugal, Estados Unidos, Espanha, Argentina, França, Inglaterra, Alemanha e Índia. A plataforma de pesquisa de mercado online recebeu o seu primeiro aporte de investimento da Poli Angels, associação de investidores-anjo focada em startups em estágio inicial, composta principalmente por ex-alunos da Escola Politécnica da USP, no ano de 2020.

Sobre a OnTheGo

A On The Go surgiu com uma missão clara: transformar a pesquisa de mercado digital em uma experiência mais natural, ágil e inspiradora. Foi no ano de 2016 que o ex-planner João Calixto percebeu que grande parte das ferramentas de pesquisa disponíveis no digital eram meras adaptações grosseiras e pouco intuitivas das pesquisas analógicas convencionais. Além de serem maçantes e monótonas, essas adaptações sub aproveitavam o potencial de conexão com os consumidores reais, gerando grande risco a bons projetos de pesquisa que recebem dados enviesados e de baixa qualidade.

O trabalho da On The Go é transformar a pesquisa em uma conversa com a ajuda da tecnologia de chatbots e inteligência artificial. Essa mistura faz com que a pesquisa seja mais natural para quem responde, produzindo insights mais inspiradores para os times de pesquisa. Com um desenvolvimento pensado e otimizado para o universo mobile, a empresa consegue que sua pesquisa alcance as pessoas que você deseja, no local onde elas já estão acostumadas, proporcionando um engajamento real. Tudo isso sem a necessidade de baixar programas ou aplicativos externos, com uma ferramenta 100% web based.

Para saber mais, acesse: www.onthego.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *