O luxuoso Balmoral Hotel ocupa prédio histórico em Edimburgo. Foto: divulgação

Considerado um dos prédios mais emblemáticos da Escócia, o Balmoral Hotel também detém uma das suítes mais caras do país britânico, reservada, ao longos dos últimos 115 anos, para notáveis de familias reais europeias e chefes de estado. Estrelas de Hollywood como Sophia Loren e Elizabeth Taylor foram outras personalidades que aproveitaram a acomodação luxuosa do hotel de Edimburgo, de 220 m2, aberta à hospedagem por US$ 27 mil a noite. 

Batizada em homenagem ao icônico Scone Palace, em Perthshire, local de coroação de gerações de reis escoceses, a suíte presidencial Scone & Crombie, reformada em 2018, tem uma antessala que permite check-ins privativos, sala de jantar, dois quartos e uma sala de estar com lareira e janelas do teto ao chão, com vista para o centro histórico de Edimburgo. Os acabamentos estão à altura dos hóspedes nobres, com tapeçaria e papel de parede que prestam homenagem ao edifício histórico da era vitoriana.

Sala de estar da suíte. Foto: divulgação

O Balmoral abriu em 1902 como um hotel ferroviário para os visitantes. Sua torre abriga um dos cartões-postais mais importantes da cidade, um majestoso relógio, que foi configurado para ficar adiantado três minutos, para que as pessoas não perdessem os seus trens. O hotel mantém essa tradição até hoje.

A reserva da suíte pode ser feita online

Sala de jantar da suíte, batizada em homenagem ao icônico Scone Palace em Perthshire. Foto: divulgação

A suíte possui dois quartos de hóspedes. Foto: divulgação

Espaçoso banheiro da suíte, que já hospedou personalidades da realeza e de Hollywood. Foto: divulgação