Starbucks italiana ocupa prédio histórico em Milão

A rede norte-americana de cafés Starbucks acaba de chegar à Itália e pretende conquistar o paladar dos inventores do "espresso". Por lá, foi erguida a filial considerada "a mais bela do mundo", que ocupa um antigo espaço dedicado aos correios, uma maravilha arquitetônica gótica na Piazza Cordusio, em Milão.   

A loja é a segunda da rede na Europa, nasce longos 20 anos após a inauguração da filial londrina. Na nova casa, a marca se aproxima dos cafés artesanais na tentativa de ganhar o exigente público do país. Será possível também experimentar drinks feitos pelos mixologistas em um bar de coquetéis no mezanino.  

Depois de Seattle e Xangai, o novo endereço é o terceiro a levar o selo “Reserve Roastery” da rede, já que usa café de torra premium e serve um pequeno menu, que estrategicamente inclui duas das receitas favoritas dos italianos: sorvete e pizza.  

Interior da primeira loja da Starbucks de Milão

Interior da primeira loja da Starbucks de Milão

Interior da primeira loja da Starbucks de Milão

Interior da primeira loja da Starbucks de Milão