Pepita Rodriguez

Depois de anos de sucesso na TV e no teatro, Pepita Rodriguez se dedica a outro tipo de arte: a literatura infantil. A obra, "As aventuras de Pepitinha", já lançada no Rio, terá lançamento na capital paulista na próxima quinta (8), a partir das 17h, na Livraria Cultura. 

A obra retrata a trajetória de uma menina, filha de imigrantes espanhóis, que aos seis anos chega ao Brasil na cidade de Penápolis, interior de São Paulo e sonha em ser uma atriz. Pelo caminho, ela passa por diversas aventuras e lições de vida. 

Com ilustrações da Russa Ekaterina Delgova, "As aventuras de Pepitinha" é inspirado em contos que a própria Pepita escreveu ao longo da vida. "Como sempre gostei muito de escrever, tinha guardado alguns contos que levei para o livro", revela. As histórias mesclam fatos reais com a imaginação da autora. 

O pai de Pepita foi também uma grande fonte de inspiração. "Meu pai era o melhor contador de histórias que conheci. Ele sempre contava uma para eu dormir e elas ficaram na minha cabeça até hoje. Muitas delas estão no livro", acrescenta Pepita. 

A história de Pepita Rodriguez com os livros é antiga. Em 1993, ela lançou o seu primeiro livro, "Tempo de Colher", sucesso absoluto em vendas no Brasil e na América Latina (Tiempo de Cosechar) e best seller da Editora Record. Depois, escreveu Segundo Tempo (1994) e "A Arte de Cozinhar entre Amigos" (2007), em que narra situações vividas por ela e por amigos famosos e dá receitas de pratos apreciados por eles. 

A publicação voltada para o público infantil é a primeira e a atriz já tem planos para o futuro. "Pretendo escrever outros livros infantis. Gosto muito desse universo e, agora, sendo avó, me sinto ainda mais inspirada", revela a autora, que ainda tem o sonho de transformar a obra em desenho animado. 

Pepita Rodriguez