Mariana Dias é Margarida na peça/ Foto: João Julio Mello/ IMATRA 

Estreia neste sábado, 16, no palco do Teatro Candido Mendes, o espetáculo infantil "Histórias de uma Margarida". A peça, idealizada pela atriz Mariana Dias, que também assina a dramaturgia e está em cena como a contadora de histórias Margarida, narra a história de um jardineiro que sonha com um jardim cheio de borboletas, mas está triste porque não tem uma flor. Um dia ele recebe, num sonho, o conselho de um sábio: conversar com a natureza. Ele então procura o Sol, a Chuva e a Terra até encontrar a resposta que tanto procura.

Com direção de Fernando Nicolau, diretor do elogiado monólogo adulto “Se eu fosse Iracema”, e objetos cênicos criados pelo artista visual Bruno Dante, criador dos bonecos do infantojuvenil "Tra la lá" e do adulto "Gritos", da companhia franco-brasileira Dos à Deux, “Histórias de uma Margarida” tem referências musicais e literárias que compõem a memória afetiva de Mariana. “Quando meu filho nasceu, reencontrei lembranças da minha infância e a contação de histórias, prática que já me fascinava desde que estudei Letras. Isso me ajudou a ressignificar muitas memórias”. Margarida nasceu deste reencontro com sua própria história e há três anos vem se apresentando em espaços de educação infantil no Rio de Janeiro. “A arte de contar e ouvir histórias é uma das práticas mais antigas da humanidade e até hoje fascina. A oralidade permite a liberdade imaginativa”, conclui a atriz. 

 

A atriz também escreveu a peça/ Foto: João Julio Mello/ IMATRA

A direção musical é de Claudio Lyra, cantor, compositor, instrumentista e produtor musical, que compôs sete músicas inéditas. A canção popular “Apareceu a Margarida” também faz parte do repertório. Quando toca, a personagem aparece como mágica. 

SERVIÇO: Histórias de uma Margarida: Teatro Candido Mendes: Rua Joana Angélica, 63, Ipanema. Sábados e domingos às 16h.  Ingressos R$ 40,00 inteira e R$ 20,00 meia. Capacidade: 104 lugares. Duração: 50 minutos. Temporada de 16 de setembro a 29 de outubro de 2017.