Long Hair desembarca na capital carioca

Segunda-feira 04 Setembro 2017 / Beleza

Interior do Long Hair da Barra da Tijuca: nova filial é assinada por Camila Fleck

As sócias Andressa e Vanessa Tôrres decidiram investir no Rio de Janeiro e abriram a primeira filial carioca de seu Long Hair, na Barra da Tijuca, com o qual pretendem repetir o sucesso dos dois salões que mantêm em São Paulo. Especializado em mega hair, próteses e apliques de cabelos naturais, o novo espaço foi projetado pela arquiteta Camila Fleck e abre para o público na quarta-feira (6).

"Pensamos no Rio por ser uma cidade encantadora, alegre e que também dita tendências.  Apesar de sermos paulistas, frequentamos a cidade há muitos anos, somos  apaixonadas pela cidade maravilhosa. As cariocas sabem o que querem e são bem exigentes. Trabalhamos com um segmento de altíssima qualidade e achamos que o Rio é carente neste serviço, com poucas opções", acredita Andressa.

Atrizes como Vanessa Giácomo, Mariana Rios e Sabrina Sato são algumas das clientes do salão.

 

Por: REDAÇÃO DELOOX

Doces em compotas ganham versões para usar no corpo

Terça-feira 15 Agosto 2017 / Beleza

A tradição brasileira das compotas de frutas ganha espaço no cardápio de fragrâncias da L'Occitane au Brésil, linha da marca franco-brasileira desenvolvida em território nacional. O resultado é uma coleção de seis produtos com aromas florais frutais, divididos em Romã, Seriguela e Jenipá, com texturas que remetem a geleias, caldas e souflés. 

Calda Hidratante Desodorante Corporal Seriguela. Foto: divulgação

 

Por: REDAÇÃO DELOOX

Harmonização Facial vira hit nos consultórios. Entenda

Quinta-feira 18 Maio 2017 / Beleza

A dermatologista Christiane Gonzaga conta que a novidade é o uso do ácido hialurônico para harmonizar a face. Foto: divulgação

Uma nova técnica para prevenir, corrigir imperfeições e efeitos do envelhecimento do rosto está fazendo sucesso nos consultórios: a Harmonização Facial. O procedimento aposta na restauração do equilíbrio da face com ácido hialurônico a partir de um novo entendimento em torno do problema, que vai além da redução de colágeno e da influência da gravidade na pele. A dermatologista Christiane Gonzaga, Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana, explica.

“Antes pensávamos que somente a perda de colágeno e a ação da gravidade eram responsáveis pelo aparecimento de sulcos profundos na pele. Porém, com o passar dos anos, além de perdermos compartimentos de gordura no rosto, os músculos ficam mais livres para contração. Perdemos também a massa óssea”, detalha a médica.  

Com isso, a técnica de harmonização, também conhecida como volumização facial, tem sido aplicada em pacientes a partir dos 30 anos de idade.

“Se o objetivo é prevenir, retardar ou nunca fazer um lifiting cirúrgico, por exemplo, é recomendado iniciar com pequenos procedimentos preventivos aos 30 anos, para chegar aos 60 anos com um rosto mais jovem, envelhecendo lentamente”, recomenda ela. 

Christiane Gonzaga alerta para uma confusão comum entre os pacientes que acham que a técnica vai dar volume ao rosto e ressaltar as bochechas. 

“Não usamos o ácido hialurônico nos sulcos, como bigode chinês e linha de marionete, para não pesar a face, usamos nos pontos de sustentação, os MD CODES ou medical codes, essa é a grande mudança na visão da harmonização da face. É um lifiting facial imediato, um procedimento tolerável, sem sangramento e cortes, e o próprio preenchimento tem anestésico. ”, conta a médica.

Os preenchimentos com ácido hialurônico podem durar de 18 a 24 meses

A dermatologista revela que existem preenchimentos que podem durar de 18 a 24 meses.

“Os primeiros sinais de envelhecimento facial aparecem nos olhos, que ficam mais fundos, e nos sulcos do canto da boca. Em pessoas mais jovens, a harmonização é feita em apenas um ponto de sustentação e os pontos vão aumentando de acordo com a idade da paciente”, explica Christiane.

A médica diz que é preciso perceber uma beleza simétrica entre os terços da face - superior, médio e inferior - para o rosto estar harmonizado.

“Existem medidas para isso: os três terços precisam estar proporcionais e isso dita uma beleza. Por exemplo, o queixo desproporcional pode ser corrigido com a harmonização facial. O objetivo é analisar os pontos negativos da face e transformá-los em positivo", observa.

De acordo com a médica, as maiores queixas são a região dos olhos, bigode chinês e pés de galinha. Ela acrescenta que o tratamento pode ser feito frequentemente, a cada quatro meses, de forma preventiva e corretiva.

Por: REDAÇÃO DELOOX

Saiba as tendências de cortes masculinos para o inverno

Quarta-feira 10 Maio 2017 / Beleza

O inverno está chegando e o clima fresco sempre colabora para que os cortes e penteados mais elaborados fiquem firmes e não se desmontem por causa do calor. Porém, o que vai estar em alta na próxima estação? O cabeleireiro e visagista do salão Esmell Wagner Lisboa contou ao Deloox quais são as tendências de cortes masculinos para o inverno e deu dicas para deixar os fios bem tratados após o verão.

Durante a estação mais quente do ano, os cabelos ficam mais oleosos porque moramos em um balneário com muita exposição ao sol e ao sal e isso tudo prejudica muito os fios. Wagner explica que os bonés, principalmente no verão, não devem ser usados. “O boné tampa o cabelo, ativa as glândulas sebáceas, faz com que o cabelo caia com mais facilidade e ajuda no aparecimento da calvice”, diz.

O primeiro passo antes de definir o corte é tratar o cabelo e ver como ele vai ficar. Para deixar os fios mais soltos, o cabeleireiro sugere um tratamento feito à base de coco e colágeno no qual o produto é aplicado no cabelo por trinta minutos e, em seguida, é realizada uma lavagem com um shampoo antirresíduo, essencial para retirar a oleosidade.

Para escolher o corte, Wagner explica que a avaliação deve ser feita de acordo com o formato do rosto. Por exemplo, quando o rosto é mais arredondado, a ideia é fazer um corte mais quadrado, para que a beleza seja valorizada. É importante também não se deixar levar por qualquer tipo de tendência de cortes.

”O segredo do corte não é somente escolher o que está na moda. Você precisa escolher se quer ficar só com o corte da moda ou ficar mais bonito”, explica o visagista.

Ele comenta que muitas vezes o corte moderno não fica bem em algumas pessoas, por isso é preciso tomar cuidado antes de tomar a decisão.

A tendência para o inverno é a mesma predominante na Europa, os “cuts baixos”. Estes cortes dão forma à cabeça, uma vez que o cabelo fica baixo nas laterais e maiores na parte superior. 

Após os cortes, alguns produtos são recomendados. Nos cabelos curtos, a pomada escolhida deve ser utilizada de acordo com as características dos fios de cada um. Em relação ao shampoo, Wagner prefere recomendar a avaliação de um especialista. Ele explica que não se deve comprar qualquer tipo de produto e aplicar nos fios, eles podem não ter o efeito esperado. Para retirar a oleosidade, ele recomenda que o produto não possua sal na fórmula. 

Serviço:

Esmell - R. Aníbal de Mendonça, 199 – Ipanema

Cortes masculinos a partir de R$90.

Por: REDAÇÃO DELOOX

Sombra vermelha: aprenda a usar a cor que é tendência nos red carpets

Quarta-feira 05 Abril 2017 / Beleza

A sombra vermelha é aquele tipo de tendência que pode gerar alguma resistência, já que parece difícil de usar. Ainda assim, os experts em maquiagem garantem que a cor pode surpreender no look e, por isso, vale a experiência. 

Segundo Fernando Torquatto, beauty artist à frente do FT Studio, o vermelho sai do lugar-comum e imprime personalidade ao visual. “O tom é poderoso para tirar aquele visual básico da mesmice, dando um up na make e trazendo a quantidade de cor necessária para pontuar sua composição com algo inusitado e quente”, comenta ele.

A atriz Olivia Wilde aposta na tendência para compor um visual moderno

Os tons de vermelho passeiam por nuances marrons, rosados, vinho e até com fundos arroxeados. Torquatto diz que todas as opções fazem contraste com a cor dos olhos e dão uma iluminada no olhar. “Olhos castanhos ganham luz com tons rosados e vibrantes, enquanto tons próximos ao vinho e com fundos arroxeados destacam olhos claros", pontua.

A beauty artista Alana Villela alerta apenas para os excessos. “O grande risco dessa tendência é o vermelho ficar exagerado e mais parecer um hematoma. A dica, nesse caso, é aplicar uma sombra preta ou marrom no côncavo. Isso dá profundidade para o olhar e suaviza o vermelho, além de tornar a maquiagem versátil e adaptável para diversas ocasiões”, explica.

A modelo norte-americana Gigi Hadid é outra adepta da cor

A ideia é complementar a maquiagem com tons de blush e gloss que neutralizem o vermelho. “Tons terrosos ou nudes nos lábios e bronzer nas bochechas  garantem um resultado harmonioso e bem acabado”,  garante Alana Villela. 

Eduarda Rodrigues, do Eduarda Rodrigues Studio Hair & Spa, indica como usar a tendência de uma maneira mais discreta. “Quem ainda não se sentir segura, pode começar com um leve esfumaçado na pálpebra móvel com um vermelho com fundo arroxeado ou vinho, por exemplo, por serem mais discretos", ensina.

Por: REDAÇÃO DELOOX