Estações inspiram novas criações do Empório Jardim

Terça-feira 26 Fevereiro 2019 / Alta Gastronomia

Doces de apresentação caprichada entram no cardápio da casa. Foto: Tomás Rangel

As estações do ano ganharam versões doces para comer também com os olhos pelas mãos da chef Paula Prandini, do Empório Jardim. São novas receitas com sabores inspirados em cada uma das quatro temporadas e apresentações que não passam despercebidas pelas vitrines da casa carioca.  

Paraíso Tropical, por exemplo, dá nome ao doce do verão, uma tartelete de manga, maracujá, coco e chocolate branco. A chef explica o restante da seleção.

"O chocolate belga é a estrela dos doces inspirados no Outono, que ainda levam limão siciliano, e no Inverno, que levam caramelo salgado. Na primavera, o sol poente foi a inspiração para uma tartelete que tem compota de morango, bavaroise de baunilha e bolo de chocolate. Foi um processo criativo muito divertido. Aém de buscar combinações especiais de sabores, me inspirei para criar doces com apresentações fora do lugar comum, deliciosas de comer e também de ver", detalha.

As delícias podem ser encontradas nas três unidades do Empório Jardim, no Jardim Botânico, na Gávea e em Ipanema, por R$ 21,50 a unidade.

Doce 'Sol Poente', de primavera. Foto: Tomás Rangel

Por: REDAÇÃO DELOOX

Feijoadas da folia: restaurantes cariocas mostram suas versões

Sexta-feira 22 Fevereiro 2019 / Alta Gastronomia

A receita culinária mais celebrada do carnaval se multiplica nos cardápios dos restaurantes cariocas durante a temporada. A feijoada aparece em diferentes versões, da tradicional às com sotaque, no roteiro que o Deloox preparou para os admiradores do prato.

Os hotéis Sofitel, em Ipanema, e Rio Othon Palace, em Copacabana, combinam a receita à base de feijão com apresentações de samba. No Othon, a feijoada clássica será servida em buffet em duas diferentes datas no Bossa Café, restaurante no terceiro andar do hotel. No dia 2 de março, a atração musical é o grupo Karas do Brasil e haverá um concurso de fantasias com premiações para os três primeiros colocados. Já no dia 9 de março, a bateria da Mangueira e o grupo Art Retrô movimentam os convidados. Os ingressos custam a partir de R$ 220,00 (cada) e são vendidos diretamente no hotel, pelo Ingresso Certo e Peixe Urbano. Quem desejar mais informações, deve entrar em contato pelos telefones (21) 2106-1670/1672 ou eventos.rio@othon.com.br

Feijoada com toque francês do Sofitel Rio de Janeiro. Foto: divulgação

O Sofitel, por sua vez, convocou a bateria da Beija Flor para a sua feijoada oficial de carnaval, que acontece no dia 2 de março. O menu ganha toque francês e inclui cerveja Trópica, caipirinha, caipivodka, gin Purple e Espumante Dal Pizzol. O ingresso custa a partir de R$ 350. Informações: (21) 2525-2555.

O Rubaiyat Rio também aposta na receita da folia, que é servida em forma de buffet (R$ 98 por pessoa) todos os sábados. A sugestão é composta pelo baby pork da fazenda Rubaiyat e mais 20 diferentes tipos de acompanhamentos, como carne seca desfiada com abóbora, costela de porco, couve frita no azeite de oliva, farofa e mandioca frita. Para acompanhar o almoço, são oferecidas batidas de sabores variados, entradas, saladas e buffet de sobremesas, com doces e frutas variadas.  

Buffet do Rubaiyat inclui baby pork criado na fazenda do restaurante. Foto: Selmy Yassuda/divulgação

O Pobre Juan do Village Mall também entra com a seleção completa: feijão preto carregado com carne seca, lombo, costela salgada, paio, linguiça fina e calabresa. Para acompanhar, farofa na manteiga, arroz branco, couve à mineira, laranja e torresmo. O valor é de R$ 159,40 para duas pessoas.

O Cortés Asador, no Shopping Leblon, oferece o prato só às quartas-feiras. Além dos acompanhamentos clássicos, a chef Dani França Pinto traz para a receita vinagrete da casa levemente picante e ancho suíno. Segundo ela, o corte nobre de carne de porco "é macio e saboroso e casa perfeitamente com o sabor da feijoada".

Quem prefere a versão lusitana pode experimentar a Feijoada Transmontana do Rancho Português. Servido aos sábados, o prato leva feijão branco, joelho de porco defumado, pé, rabo, orelha, costela, paio português, cenoura e chouriço. O prato custa R$ 168 e serve duas pessoas, que ganham uma caipirinha cada. 

Feijoada Transmontana do Rancho Português. Foto: Marcelo Cabral/divulgação

No Jockey Club Brasileiro, o Victoria Rio oferece buffet também aos sábados, do meio-dia às 17h. Quem quiser revezar com alternativas mais leves pode optar pelas saladas de quiabo, escabeche de abóbora e mix de folhas, entre outras sugestões. 

O Zazá Bistrô vai de feijoada com frutos do mar, feita com feijão branco biri-biri, arroz jasmim com pupunha e farofa de maracujá. O valor por pessoa é de R$75 e R$145 para dois. 

A Churrasqueira, casa mineira em Ipanema, faz uma versão do prato com feijão Vermelho. Pernil defumado também entra na seleção de carnes, que podem ser acompanhadas de arroz branco, couve ao alho, farofa e caldinho de pimenta. Para duas pessoas, custa R$ 120 e é servida das 11h30 às 16h. 

Feijoada vegana do BioCarioca. Foto: Filico/divulgação

Para fechar, a opção vegana do BioCarioca, em Copacabana, leva bardana, cogumelos Paris, tofu e tofu defumado (R$ 27,90). Acompanham arroz integral, farofa, laranja e couve salteada ou abóbora acebolada. No dia 2 de março, os clientes que pedirem a sugestão ganham um shot de caipirinha sem álcool com gengibre, limão e passas brancas.

Por: REDAÇÃO DELOOX

Pedro de Artagão inaugura casa italiana no Leblon

Quinta-feira 21 Fevereiro 2019 / Alta Gastronomia

Artagão sobre Al Fresco: ambiente jovem e gastronomia clássica. Foto: Eduardo Almeida/divulgação

Fundador do Grupo Irajá, Pedro de Artagão investe no sexto empreendimento da rede, desta vez dedicado à comida italiana. Batizada de Al Fresco, a casa acaba de abrir no Leblon, em plena Ataulfo de Paiva, com projeto do arquiteto Maurício Nóbrega, que procurou reproduzir o frescor de um espaço ao ar livre com a instalação de ombrolones e luz ambiente intimista para criar o clima da experiência gastronômica. Segundo o chef, a nova casa propõe uma gastronomia local clássica, de vanguarda e sem interferências, com a utilização de ingredientes frescos originais e massas artesanais produzidas no próprio espaço.

O cardápio começa pelas opções quentes para petiscar, como o suppli di riso al telefono, um bolinho de risoto empanado e recheado com queijo que, quando mordido, simula o fio do telefone sendo puxado. Na sequência, as entradas frias foram criadas para compartilhar: vitello tonnato, Carne cruda, pinoli, sardela e Pomodoro, e burrata são os destaques.

Vitello tonnato: entrada fria. Foto: Alexander Landau/divulgação

As massas feitas na casa são divididas em dois departamentos. A de grano duro é produzida com farinha importada Molino Grassi, entre elas spaguetto carbonara, rigatoni cacio e pepe, e mafaldine ala bolognesa bianca. Quem preferir pode optar pelas pastas frescas com farinha tipo zero zero, como gnocchi al triplo burro e limone, e lasagna prosciutto e spinaci.

Os grelhados, feitos em forno à carvão, também chegam à mesa para serem compartilhados. Entrecote com burro, salvia e aglio, bistecca de vitelo al limone, peixe do dia e ½ frango ganham espaço no menu de estreia do restaurante. Mas eles não estão sozinhos. Para acompanhar, risoto de açafrão, purê de batata e salada primavera.

No menu de massas artesanais caseiras, está o spaguetto carbonara. Foto: Alexander Landau/divulgação

O tiramisú fica lado a lado aos tradicionais merignata e bolboloni na seção de sobremesas. Mas a grande aposta de Artagão é o In rispetto al sig Ferrero, uma brincadeira com o Ferrero Rocher, para dividir, que reúne todos os ingredientes do doce tradicional: Nutella, chocolate crocante e avelã. E ainda tem direito à embalagem dourada. O chef conta que o doce demorou quase um ano para ser concebido. 

Por: REDAÇÃO DELOOX

Rio Open de Tênis é homenageado com prato da Boa Lembrança

Quinta-feira 14 Fevereiro 2019 / Alta Gastronomia

O Jockey Club Brasileiro, que sedia o Rio Open 2019, também é a casa do restaurante Victoria, que aproveita o torneio de tênis em seu "quintal" para criar uma novidade para temporada de jogos.

No sábado (16), primeiro dia do evento, a casa lança um prato da Boa Lembrança em homenagem ao Rio Open como recordação para os clientes que pedirem o prato de salmão em crosta de quinoa com ceviche de abacate, aspargos e rabanete, assinado pelo chef Marcondes Deus. A receita está em cartaz para todos aqueles que quiserem conhecer a casa, sendo espectadores ou não do torneio, que segue até o próximo dia 24.

Victoria: Prato da Boa Lembrança homenageia Rio Open. Foto: Fábio Rossi

Por: REDAÇÃO DELOOX

Barão se une ao Bar Leblon em menu de petiscos exóticos

Quarta-feira 13 Fevereiro 2019 / Alta Gastronomia

Barão desce a serra fluminense para iniciar parceria com Bar Leblon. Foto: Sarah Montovani

O consagrado chef Barão sacode a comida de boteco com uma dose de exotismo no novo menu de pestiscos do Bar Leblon. A sua já consagrada receita de Quibe de javali, com trigo de quibe, pernil de javali com sávia, hortelã, cebola e alho, e o Bolinho de Canja, preparado com galinha caipira, cenoura e caldinho da própria canja reduzido, estão na comissão de frente deste novo cardápio de receitas fora do comum.  

Desta parceria entre Barão e o restaurante, comandado por Fábio Pacheco, ainda surgem as Bolinhas de Quatro Queijos, feitas com permesão, provolone, emmenthal e gruyère, e o Presunto de Pato Defumado, preparado com magret de canard, curado por 60 dias. Barão conta que tudo é feito por etapas: após o processo, ele é defumado com folhas e cascas de tangerina, para trazer um toque fresco e cítrico ao paladar. Acompanha o petisco, ainda, uma redução de azeite balsâmico cítrico.

Até a tradicional canja de galinha virou bolinho com a assinatura de Barão. Foto: divulgação

No comando do Barão Gastronomia, referência em Itaipava, na serra fluminense, o chef, que também já trabalhou no Copacabana Palace e ao lado de nomes como Claude Troisgros, foi convidado por Fábio para a empreitada dos petiscos como aquecimento para uma parceria mais ampla.   

"É só acompanhar, outras ideias estão no forno e vamos surpreender muito em 2019. Nosso objetivo é trazer boas e novas experiências aos clientes. Não abrimos mão do tradicional, porém, queremos sempre surpreender os comensais com o novo, dentro do padrão de exigência de um bairro como o Leblon. Esse novo cardápio provoca o paladar do nosso público, com uma chancela de qualidade acima de qualquer suspeita, que é a assinatura do Barão", explica o empresário. 

Presunto de pato defumado: novidade na casa. Foto: divulgação

 

Por: REDAÇÃO DELOOX