As hot pants estão de volta! Aprenda a usar com as dicas da estilista Erica Rosa.

Sábado 31 Outubro 2020 / Moda

Hot Pants (Foto: Divulgação / Erica Rosa)

As hot pants estão de volta para as altas temperaturas do próximo verão. Inspiradas nos looks dos anos 70, as peças são uma fácil combinação do vintage com o atual. E o melhor: é uma ótima escolha para deixar a silhueta bem marcada e valorizar as curvas. A estilista Érica Rosa conta pra gente como essa moda surgiu e como fazer combinações de bom gosto.

"A história dos hot pants inicia na década de 50. Eram shorts de cintura alta, curtíssimos, usados pelas pin-ups. Já nos anos 60, a estilista Mary Quant, a mesma da mini-saia, lançou a peça com ar libertário. A tendência seguiu nos anos 70 com a era disco. Diante de toda essa trajetória na história da moda, as hot pants são consideradas peças-desejo. Vintage, eles hoje aparecem com outros tamanhos, modelagens e materiais", diz a estilista.

Érica Rosa conta que, mesmo em alta novamente, as hot pants ganharam um upgrade: "Agora elas estão menores e mais recortados nos quadris. Já a cintura varia de acordo com o design de cada marca".

Outro ponto positivo das hot pants é que elas podem vestir bem todos os tipos de corpos. "Acho importante se conhecer e se aceitar, mas, o que realmente importa, é a liberdade que a peça proporciona. Sugiro usar com sobreposição", diz Rosa. "Com a chegada do verão, a peça pode compor os looks pós-praia, com vestido de seda e sobreposição, ou até mesmo à noite, adicionando um blazer no look", diz ela. 

Veja algumas das peças da grife que já podem fazer parte do seu guarda-roupa.

Hot Pant Mangá Neoprene - R$ 445,00 / Vestido Seda Vitoriano - R$ 2.385,00

 

 

Por: REDAÇÃO DELOOX

Passeio submarino vai te levar aos destroços do Titanic por 718 mil reais

Sexta-feira 30 Outubro 2020 / Viagem e Turismo

Titanic (Foto: Reprodução/Wikimedia Commons)

Se você é cinéfilo e apaixonado pelo filme Titanic, sucesso de bilheteria dos anos 90 e que foi premiado com 11 Oscars, não vai querer perder o passeio que a empresa de turismo OceanGate Expeditions anunciou para 2021: uma viagem pelos destroços do transatlântico mais famoso do mundo.

O Titanic está em franca deteriorização nas profundezas do Oceano Atlântico. Até então, apenas cientistas e o diretor do filme, James Cameron, tiveram a oportunidade de vê-lo de perto.

O pacote de oito dias custa 718 mil reais, com viagem de navio partindo de Saint John (Terra Nova, Canadá) e mergulho de aproximadamente 8 horas. As primeiras seis jornadas já estão esgotadas com lugares reservados para 26 pessoas. Os passeios acontecem de maio a julho do ano que vem.

Os interessados em participar da viagem precisam responder a um questionário, além de informar altura e peso. Quem tem claustrofobia ou tem enjoo em passeios pelo mar não poderão participar. Os pré-selecionados também vão passar por um teste de mobilidade, flexibilidade e equilíbrio, por causa do espaço reduzido do submarino que os leverá ao Titanic.

Titanic no fundo do Oceano Atlântico (Foto: Reprodução)

E aí? Você teria coragem?

 

Leia: Emirates revela expêriencia a bordo adaptada aos novos tempos

Por: REDAÇÃO DELOOX

Vilarejo italiano oferece até 52 mil dólares por novos moradores

Quinta-feira 29 Outubro 2020 / Comportamento

Santo Stefano di Sessanio (Foto: Bússola Diário)

Imagina como seria morar em um vilarejo italiano e ainda faturar aproximadamente 52 mil dólares? Graças à prefeitura de Santo Stefano di Sessanio isso é possível.

Santo Stefano di Sessanio é uma vila medieval que fica a 1.250 metros acima do nível do mar, dentro do parque nacional Gran Sasso e Monti della Laga, localizada no lado leste do centro-sul da Itália.

Quem quiser mudar de vida precisa estar ciente de alguns requisitos. Para ser apto (a), os candidatos precisam ter pelo menos 18 anos, porém, não mais que 40. Também necessitam ser residentes da Itália ou da União Europeia (ou ter a capacidade de se tornar um) e ter vontade de permanecer no vilarejo por, no mínimo, 5 anos.

Santo Stefano di Sessanio (Foto: Bussola Diario)

De acordo com a CNN, o conselho municipal vai pagar aos novos residentes uma taxa mensal de até 8 mil euros por ano.

Os que tiverem vontade de abrir um negócio na cidade poderão receber uma contribuição única de até 20 mil euros, cerca de 132 mil reais na cotação atual. Os residentes também receberão uma propriedade para morar e vão pagar um valor simbólico de aluguel.

Mais de 1.500 pessoas já se inscreveram para participar do programa. A concorrência é grande, pois o município quer manter o número de novos habitantes para cerca de 10 pessoas, ou 5 casais apenas.

Santo Stefano di Sessanio (Foto: Bussola Diario)

Via Forbes / Fotos: Bússola Diário

Por: REDAÇÃO DELOOX

Pedro Salomão faz palestra em rooftop de hotel em Ipanema

Quinta-feira 29 Outubro 2020 / Eventos

Na noite de quarta (28), o escritor carioca Pedro Salomão lançou o livro "Valor Presente - A Estranha Capacidade de Vivermos Um Dia de Cada Vez", em evento intimista, no Espaço 7zero6, no rooftop do Praia Ipanema Hotel.

Os convidados do escritor puderam ouvir em primeira mão detalhes sobre a obra idealizada antes da pandemia. O palco foi um cenário assinado pela AD.Studio, da carioca Paloma Danemberg. O evento teve buffet do Espaço 7zero6 e a carta de bebidas foi assinada pelos parceiros Coco Legal, Gin Tanqueray, Água tônica Prata, Monín Brasil e Flamingo Beer, com material biodegradável. A Papel Craft também marcou presença e ofereceu mimos aos participantes.

Veja nas fotos do Praia Ipanema Hotel.

Pedro e Marília Salomão

Nanda Mader, Pedro Salomão e Dudu Azevedo

Avelino Veit e Cynthia Veit

Gabriela Vaz, Vera Salomão e Isabella de Souza

Dani Pasqualin e Henrique Viana

Pedro, Marcela e Teodora Aragão

Ari Kaye e Rafael Cobra

Por: REDAÇÃO DELOOX

Victor Niskier e Juvenal Müller trazem o frescor dos balneários da França para o Leblon

Quarta-feira 28 Outubro 2020 / Alta Gastronomia

Voulez Vous (Foto: Divulgação)

Um gastrobar inspirado nos balneários franceses e localizado no centro de gravidade da efervescência do Leblon. Esta é a proposta do Voulez-Vous, que surge de uma parceria entre Victor Niskier, destaque da nova geração da arquitetura carioca, e Juvenal Müller, empresário do segmento gastronômico. A casa abre para convidados nesta quinta (29), em concorrido soft opening, mas "sem aglomeração", garante Niskier.

Victor Niskier e Juvenal Müller (Foto: Divulgação)

"O restaurante era um projeto do Juvenal Müller, que me chamou para ser o arquiteto comandante da ideia. Ainda não tinha nome, somente local e proposta: uma experiência de gastrobar construída a partir da atmosfera dos balneários da França. Me animei tanto com o projeto que, mesmo com a rotina cheia do meu escritório, o Arqnisk, propus não apenas assinar o projeto de arquitetura, mas também me tornar sócio do restaurante", conta Niskier. 

O espaço, que terá foco no pós-praia, aposta na alta gastronomia, acompanhada de uma carta especial de drinks, e em um time de profissionais que mais parecem ter saído de um ensaio de revista de moda. Victor explica como concebeu a ambientação.

"Apostei nas madeiras claras, oxigenadas, harmonizando com muita palha e linho. A estante colmeia (criada pelo arquiteto para o CasaCor e que virou sua marca registrada) estará presente e, pela primeira vez, será usada como um bar. Será na verdade um maxibar, de quase 10 metros, na primeira ala do ambiente, que se abre para o ponto mais nobre do Leblon", detalha o sócio. 

Victor Niskier e Juvenal Müller (Foto: Divulgação)

"Sou fã dos agitos do verão europeu. E o Rio, um dos balneários mais icônicos e deslumbrantes do mundo, acaba tendo uma atividade de lazer diurna, poucas opções noturnas e raríssimas combinações de gastronomia com música que dão certo. A idéia é mesclar todo o know-how em alta gastronomia do meu sócio com a coleção de experiências em arquitetura e estilo de vida que busquei nesses anos", complementa.

Para a elaboração do cardápio, Juvenal Müller conta que fez uma pesquisa sobre o que é oferecido hoje nas cozinhas do Rio e detectou diversas lacunas. Quem passar por lá vai encontrar, por exemplo, um autêntico Cassoulet (feijão branco, coxa e sobrecoxa de pato, linguiça suína e especiarias) ou poder degustar o Chateaubriand Poivre (filé mignon, molho poivre, aspargos e shitake na manteiga).

Para beber, Victor indica seu novo xodó: o Voulez-Vous Ocean, "que hipnotiza em tom de azul neon, à base de gin".

Chateubriand Poivre do Voulez-Vous (Foto: Divulgação)

O delivery, essencial para o momento de crise sanitária, está garantido, reforçam os empresários. 

A ideia é que o Voulez-Vous se multiplique pelo país. "Todo capricorniano é audacioso. Quem sabe em breve estaremos em outros balneários brasileiros ou até mesmo do exterior?", diz Niskier.

A casa é a estreia do arquiteto no ramo gastronômico e vem se juntar às suas inúmeras empreitadas. Ele revela que, durante a pandemia, o seu escritório, Arqnisk, duplicou de tamanho e, às vésperas de comemorar seus 30 anos, foi convidado para fazer a grande recepção da 30ª edição do CasaCor, projetando uma área de quase 1.000 m² do palacete que pertenceu ao casal Odaléa e Jorge Brando Barbosa, no Jardim Botânico.

Voulez-Vous Ocean (Foto: Divulgação)

Serviço

Rua Aristides Espínola, 88 - Leblon

Redes Social: @voulezvousRestaurant

Horário (inclusive nos feriados): De terça a sexta, das 19h a 1h - Sábado e domingo, das 13h a 1h.

Telefone: (21) 2279-4473

Por: REDAÇÃO DELOOX