Boxx Botafogo chega ao Rio inspirado nos mercados americanos e europeus

Quinta-feira 13 Agosto 2020 / Comportamento

Boxx 2020

O Boxx Botafogo, inaugurado no primeiro semestre de 2020, vem trazendo ao carioca uma forma inédita de consumir o melhor da gastronomia da cidade, além de produtos de pequenos e médios produtores locais com foco na moda, beleza e cultura. Com investimento inicial de R$10 milhões e ocupando uma nobre área de 900 m², o empreendimento é inspirado nos famosos mercados verticais americanos e europeus, nos quais o público alia passeios a uma experiência gastronômica única. O Boxx está situado em um dos bairros mais queridos do Rio. No total, 35 operações ajudam os consumidores a conhecer um pouco mais sobre os produtos 100% cariocas.

Thiago Gross, administrador geral, garante qualidade, inovação e tendências reunidos em um mesmo local. “Mercados como este são muito comuns fora do Brasil. O Boxx traz, sim, um estilo diferenciado e acolhedor. Nossa ideia é apresentar aos clientes um conceito moderno de comércio integrado ao dia a dia da comunidade. O consumidor precisa de novas experiências. E é exatamente isso que apresentamos aqui. Oferecemos novidades diariamente, seja pela área gastronômica, com pratos ou produtos comercializados que chegam às prateleiras, seja pela experiência de consumo no varejo, onde é possível encontrar tudo made in Rio. Quer coisa melhor do que privilegiar os produtores locais?”, afirma Gross.  

Neste coletivo gastronômico estão grandes nomes do setor e encontram-se verdadeiras iguarias, desde açougue vegano, passando por hamburgueres gourmet e até pratos tradicionais remodelados, como o bacalhau feito com uma receita desconstruída, para dar água na boca aos amantes da comida portuguesa. A estrutura do local e escolha dos restaurantes foi feita a partir de uma curadoria, que entrega ao público o melhor das cozinhas do Rio de Janeiro. Por esta razão, o Boxx Botafogo pode ser considerado um conjunto de oportunidades gastronômicas, que reúne chefs renomados servindo pratos diferenciados com toques alternativos e criando novas combinações de sabores. A culinária ocupa todo o segundo andar do mercado, que está dividido em dois pisos. E para não deixar nenhum sabor de fora, cada restaurante traz uma característica e influência.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Quem encara um desses ? Bora que hoje é dia de vir para a casa dos Ogros ????. A semana começou ???? ???? ???? ???? ????.

Uma publicação compartilhada por Ogros Steak & Burger (@ogrossteakburger) em

Da TV para a vida real, é possível experimentar a suculência das carnes preparadas por Jimmy Ogro, no Ogro Steaks. Entre os hits do cardápio, se destacam o McManis, com 180g de blend de carne, cebola caramelizada e cheddar, além de sua mais recente criação, que homenageia os vizinhos paulistanos (X-MercadãoSP - com quatro fatias de mortadela tostada no fogo e maionese de alho confitado). Já no Manda!, o destaque fica com os sanduíches. Bianca Barbosa segue os passos da mãe, Katia Barbosa (chef do premiado Aconchego Carioca), e apresenta suas brasilidades com farturas de sabores, como o sanduíche de Salpicão e o exótico Pirarucu Selvagem. No É Giro, a assinatura do conceituado chef Ricardo Lapeyre, que aos 25 anos foi eleito chef revelação no especial COMER & BEBER da Revista Veja, é um prenúncio para os apreciadores da boa comida. Para o cardápio deste novo investimento, ele buscou influência e inspiração em Portugal, sem deixar o Brasil de lado. No comando da cozinha está Rafael Cavalieri, crítico de gastronomia que trocou as canetas pelas facas. As receitas vão de conservas e saladas, que variam diariamente e ficam expostas em uma vitrine fria, até pratos elaborados com polvo, lula, tomate e mexilhão. Entre as apostas está o famoso bolinho com queijo serra da estrela. Tem ainda a Wrusteria, da chef Isa Nogueira. Ela traz a versatilidade dos pratos alemães atrelada ao sabor e ao requinte deste povo. Na sua cozinha, os embutidos têm fabricação própria e a chef reforça que alemães não vivem apenas da salsicha. Entre os pratos mais hypados do restaurante está o Schnitzel, um lombo suíno empanado de comer rezando, e o Hot Dog Copenhagen, que conta com picles de pepino, molho remoulade e cebola frita. E, no Amelie Creperie, tem a versatilidade do dia a dia ajustada delicadamente à culinária francesa. Os pratos variam de galletes a risotos elaborados com cogumelos frescos e trufas. Para descontrair e sentar para uma resenha com os amigos, o Boxx apresenta o bar Desatino, projeto taylor made da Heineken no Rio de Janeiro. Tem também opções de seis drinks autorais e mais de 20 clássicos, assinados por Jéssica Sanchez, que já foi eleita a melhor bartender da América Latina. Para fechar com chave de ouro, as sobremesas são um cenário à parte. Vão desde crepes doces, no próprio Amelie, passando pelo autêntico e original brownie, no Brownie do Ton, até os gelatos da Gelateria, com segredos de uma receita familiar.

 

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Alexander Prato é uma brincadeira com nome Alexanderplatz, uma praça no centro de Berlin. . Adoramos uma minissérie dos anos 80 que retrata uma alemanha dos anos 20, o personagem sai da cadeia num país em recessão derrotado na 1a guerra e percorre por um submundo local. Berlin Alexanderplatz dirigida pelo Fassbinder, de um romance de outro autor. Acho que vou rever ela esses dias. . Enfim, o prato é uma salsichão branco bratwurst, salada de batata, chucrute e mostarda, e a foto é do @gabrieldamuda tirada em fevereiro de 2018. . Esse prato sempre esteve no cardápio e também é um dos meus favoritos (falo isso de todos né ????) . Pedidos pelo Whatsapp 98805-0827 Tijuca ou Botafogo . Beijos! . #alexanderplatz #alexanderprato #bratwurst #kartoffelsalat #sauerkraut #wursteria #tijuca #botafogo

Uma publicação compartilhada por Wursteria (@wursteria) em

“Com tantos chefes estrelados, somos ou não uma referência na gastronomia? Ela é, sem dúvida, o carro chefe e nossas marcas chamam atenção pelos nomes que tem à frente. Oferecemos todo o requinte dos restaurantes renomados a um preço muito mais convidativo. Isso significa que o cliente tem a possibilidade de experimentar os sabores que sempre quis e economizar muito”, ressalta Gross.  

No espaço, além dos chefs é possível encontrar logo no térreo, ao entrar no prédio, moda feminina, masculina, além de acessórios, decoração e serviços. Ainda neste andar está o “Armazém Carioca”, um mercado modelo com formato colaborativo e e-commerce formado por produtores artesanais de geleias, pães, bolos, além de contar com uma inédita linha de produtos dos melhores restaurantes da cidade. Tudo isso garante um mix ideal para atrair consumidores que buscam mais e novas opções de consumo.

A cultura também está presente a partir de uma parceria com os artistas plásticos Martha Dytz e Robson Roots. A primeira explora o feminino e a natureza com de traços leves e vibrantes, enquanto Roots utiliza o colorido para retratar o cotidiano carioca pelo olhar das favelas e dos símbolos da cidade. Suas obras estão expostas no Galeria Boxx e a cada quadro vendido, 15% do valor do produto é doado para a Instituição Pró Criança Cardíaca.

O Boxx Botafogo também oferece, no segundo andar, estrutura para crianças, com o espaço Kids, e uma área de eventos, que pode ser transformada em um salão de festas para comemorações.  

Boxx em tempos de pandemia

Adaptado aos novos protocolos de higiene e saúde, garantindo segurança e conforto, a partir das medidas adotadas (contratação de uma infectologista, instalação de tapetes higienizadores, reforço na limpeza dos filtros de ar-condicionado, desinfecção frequente das áreas comuns, medição de temperatura e disponibilização de álcool em gel em displays), o espaço oferece uma área gourmet, na qual aos visitantes podem retirar seus pedidos no local, das 12h às 22h. Mas para os cientes que preferem ficar em casa, o sistema de delivery, via whatsapp, já está implementado e funcionando diariamente até às 22h30.

Para Grossi, a prioridade é a segurança e saúde dos clientes e colaboradores. “Não medimos esforços para garantir o bem estar de lojistas e visitantes. O Boxx investiu em tecnologia e adotou todas as medidas necessárias que o momento requer. E mesmo assim, para aqueles que ainda não se sentem confiantes em sair de casa, mas que estão loucos para consumir nossos produtos, oferecemos a opção pelo delivery, que é eficiente e prático”.

Por: REDAÇÃO DELOOX

Exposição de Mateu Velasco celebra novo espaço da Galeria Movimento

Quarta-feira 12 Agosto 2020 / Comportamento

Mateu Velasco (Foto: Felipe Diniz)

“A narrativa através da imagem é a semente do meu trabalho.” A afirmação é do artista visual Mateu Velasco, que abrirá a individual Infinitivo, no dia 24 de agosto, na Galeria Movimento, em Copacabana. Mas o que pauta a curadoria de Sonia Salcedo del Castillo é, na verdade, um questionamento existencial do artista, que exige desacelerar o pensamento e as mãos, rumo ao infinito das coisas, dos acontecimentos, da criação: “De que imagens consigo me lembrar?”.

A exposição reúne cerca de 15 trabalhos produzidos desde o ano passado, a partir de diferentes meios e suportes, como pintura, desenho, fotografia e bordado sobre madeira, tecido ou cerâmica, além de recortes manipuláveis. A mostra celebra o novo espaço ocupado pela galeria de Ricardo Kimaid, no Shopping Cassino Atlântico. A visitação pode ser presencial, sob agendamento prévio, ou através de tour virtual 360º, que permite interatividade e gera informações detalhadas sobre as obras.

Mateu Velasco - Apneia, 2020 (Foto: Felipe Diniz)

A pesquisa artística recente de Velasco gira em torno da retratação do tempo. Não o passado, nem o futuro, mas o mais inconstante dos tempos: o presente. Obras como Transitório, Certezas efêmeras, Tempo em trânsito e A espera de um dia que não chega, produzidas em 2020, deixam clara a tensão entre as diversas camadas que permeiam um tempo composto por rupturas e impermanências.

A partir da pandemia, Velasco expandiu seu campo de investigação para a questão da memória. E na escavação de suas lembranças mais primárias, descobriu que são todas essencialmente imprecisas: “é sempre uma narrativa construída, relativa aos afetos despertados”, analisa. O artista encontrou arrimo valioso na obra do poeta Manoel de Barros, que diz que “quem descreve não é dono do assunto, quem inventa é”. A partir desta chancela libertadora, Mateu passou a inventar suas memórias.

Mateu Velasco - Isca artificial, 2020 (Foto: Felipe Diniz)

Mas um paradoxo científico também o mobilizou: “descobri que o campo onde a memória é armazenada em nosso cérebro é o mesmo que projeta o futuro. Essa capacidade humana de imaginar coisas que ainda não aconteceram, de planejar, criar objetivos e ir em direção a eles é o que nos move. Se você não consegue projetar um futuro, perde expectativa de vida. É interessante pensar que o mecanismo de imprecisão - que pode trair o passado - é o mesmo que nos impulsiona na criação de um por vir”, reflete.

Para Sonia Salcedo, que assina a curadoria com a assistência de Rafael Peixoto, na produção recente de Mateu há uma vontade poética tão intensa, que parece almejar o infinitivo. “À maneira de quem reflete sobre questões filosóficas fundamentais, como a de ser e de estar no mundo, seus trabalhos sugerem driblar a duração sequencial peculiar a Chronos, em favor da indeterminação temporal de Kairós. Em lugar da finitude do tempo entrópico e linear, Velasco indica desejar, portanto, a infinita experiência do momento oportuno”, comenta.

Mateu Velasco - Tempo em Trânsito, 2020 (Foto: Felipe Diniz)

Desenhista nato, Mateu arriscou seus primeiros traços ainda na infância e, desde então, o desenho permeia sua obra. Aliás, é da infância que surgem as memórias das situações mais banais - como ele define - que hoje habitam seu acervo imagético íntimo. Os almoços de sábado na casa dos avós, no Leme, zona sul do Rio, são um disparador frequente da memória de um Mateu menino, que preferia estar na praia. As telas “Sábado em família” (2020) e “Para ver com os olhos” (2020) evocam essa arquitetura afetiva em que a matéria poética é tentativa de elaboração de um tempo passado.

Colecionador de imagens cotidianas, Velasco transforma seu mapa mental em mapa visual e registra quase tudo que vê. Seus desenhos podem partir das curvas do rio que margeia seu ateliê, na Gávea, onde objetos descartados (como bolas de futebol, garrafas vazias e até um volante de fusca) se acumulam aleatoriamente. Sob a perspectiva do artista, até o lixo dos vizinhos é fonte de inspiração: compactado, para caber num saco, cria formas escultóricas e conta histórias sobre consumos, avessos e humanidades.

Mateu Velasco - Um dia qualquer, 2020 (Foto: Felipe Diniz)

Na série “Pequenos Achados” (2020), ao adotar a cerâmica como suporte, o artista revela os diferentes estratos do tempo que compõem a matéria. Já na série “Gavetas” (2020), que articula recortes de papel, fotografias, fios de algodão e gelatina, Mateu mistura e reaproveita objetos acumulados pelo exercício coletor que é base de sua poética, para criar uma obra autoral. As “gavetas” manipuláveis lidam com o imprevisível e, a qualquer movimento do espectador, revelam composições infinitas e imprecisas. Assim como as memórias. São as múltiplas camadas e permanências de passados que conferem espessura ao presente do artista.

Velasco iniciou a trajetória artística como ilustrador e muralista, em 1999. Já expôs seus trabalhos em São Paulo, Rio de Janeiro, Los Angeles, Nova York, Seattle, Paris, Milão e Budapeste, entre outras cidades do mundo.

Por: REDAÇÃO DELOOX

Vem aí o Breadflix: série para maratonar e aprender a fazer pães caseiros

Terça-feira 11 Agosto 2020 / Alta Gastronomia

Foto Artesanos Bakery - Ricardo Rocha (Foto: Gabriel Ávilla)

Os amantes da cozinha e da gastronomia já podem comemorar. O casal de empresários padeiros Mariana Massena e Ricardo Rocha, à frente da Artesanos Bakery, charmosa e bem sucedida padaria especializada em fermentação natural, estão se preparando para lançar o projeto digital Breadflix, no qual gratuitamente serão disponibilizados episódios que ensinarão o público a fazer desde o fermento artesanal ao pão de fermentação natural em casa. 

“Entendemos que, mais do que uma empresa, mais do que um negócio, a nossa missão, a nossa função, ela é educacional. E a parte do curso é isso. Podermos dividir a nossa expertise com o nosso público, permitir que ele possa fazer a mesma coisa dentro de casa e sem medo de perdê-lo. Porque sabemos que passando esse ensinamento, esse conceito, essa filosofia, estamos fidelizando mais ainda”, explica o casal. 

“A pandemia chegou trazendo, entre outros problemas, as demissões, mas também percebemos que com isso se abriu uma janela de oportunidades, como a de se permitir entrar num universo novo que é o da panificação e das pizzas. Fazer o que gosta, colocar a mão na massa e transformar isso realmente numa oportunidade de negócio”, completa Ricardo, que também explica a ideia do Breadflix.  

Artesanos Bakery - Ricardo Rocha (Foto: Gabriel Ávilla)

“Será uma panificação descomplicada e sem segredos. Vamos ensinar pessoas comuns a fazerem os pães de fermentação natural e a grande possibilidade de transformar isso num negócio que, de casa, elas poderão ter uma receita entre R$6 a R$8 mil por mês, e ainda terem tempo livre para curtir a família e outros momentos também. Estamos falando de uma rotina de 10 a 15 dias de trabalho direto, com outros 15 dias disponíveis para aproveitar. Definimos que esse será o nosso público. Pessoas que querem fazer pão e transformar isso num negócio que seja uma fonte de renda adicional ou até mesmo a principal.” 

“Se ele quiser, vai poder fazer pão para compartilhar com os amigos, a família. Serão aqueles pães de fotos do Instagram. Mas se ele quiser realmente quiser fazer como fizemos, ou seja, começando de casa aos pouquinhos, utilizando o que ele tem em casa como forno caseiro, panela de ferro, utensílios domésticos, começar um ofício e aos poucos começar a divulgar a marca dele, o negócio, divulgar os pães, e ganhar dinheiro propriamente dito, mostraremos como é possível”, complementa Mariana. 

Atualmente o Instagram é o principal canal de comunicação da empresa, por isso, foi criado um novo perfil na rede social especialmente voltado para o projeto, o Ricardo Rocha Baker (@ricardorochabaker) - headbaker da Artesanos Bakery - e é por lá que o casal pretende se comunicar com seus seguidores, que já somam mais de 500, com pouquíssimo tempo no ar. 

“Nós vamos, a partir da segunda quinzena de agosto, começar a abastecer esse novo Instagram. E de 17 a 23, lançaremos a maratona Breadflix. Trata-se de uma série de conteúdos voltados para o universo da panificação, da pizza, disponibilizados gratuitamente para mostrar para as pessoas que é possível realmente fazer pão dentro de casa e a possibilidade de transformar isso em um negócio. Será uma série de pão de verdade, como já diz o próprio slogan da Artesanos”, revela Ricardo.   

Artesanos Bakery está preparando um conteúdo extremamente rico de informações (Foto: Gabriel Ávilla)

“Vamos mostrar para as pessoas que dá para a fazer, o que hoje fazemos na padaria, dentro de casa, sendo muito bom em processo. Se especializando no processo de fazer a massa correta, entender o ponto, enfim, todo as sacadas que a gente acabou desenvolvendo ao longo desses anos”, conta Ricardo.  

“Contaremos todas as sacadas que tivemos, as dificuldades pelas quais passamos para podermos chegar onde estamos hoje. Desde fazer o nosso fermento do zero, toda a jornada, as dificuldades, os sucessos, os erros, as massas perdidas, as receitas desenvolvidas, o trabalho que temos lá dentro da Artesanos, e como foi dentro do ambiente de casa para poder implementar isso”, completa Mariana.  

O público também pode conferir “pílulas” digitais com dicas, receitas e outros hilights da panificação que já vêm sendo disponibilizados no Instagram e em breve também receberão o reforço de um podcast no Spotify e do canal no Youtube. 

E esse é o primeiro projeto da Academia Artesanos, que visa difundir o conhecimento sobre a arte da panificação e seus processos em ambiente digital.   

Por: REDAÇÃO DELOOX

Clarice Niskier apresenta 'A esperança na casa de chicletes Ping Pong' no Leblon

Segunda-feira 10 Agosto 2020 / Eventos

No fim de semana, Clarice Niskier estreou o espetáculo poético-musical "A esperança na casa de chicletes Ping Pong", de Zeca Baleiro, com supervisão de Amir Haddad. A obra, apresentada na Sala Marília Pêra do Teatro Petra Gold, revela sentimentos e pensamentos de Clarice sobre o país, a vida, o sucesso e o amor. Após sua performance, a protagonista assistiu ao ensaio de "Todos os homens do mundo", com Cristina Flores.

Veja nas fotos de Cristina Granato.

Clarice Niskier

Clarice Niskier e Cristina Flores

Cristina Flores

Por: REDAÇÃO DELOOX

Dia dos Pais: chefs criam cardápios imperdíveis para este domingo

Sexta-feira 07 Agosto 2020 / Alta Gastronomia

Bar Leblon - Costelada Leblon (Foto: Rio Art Com)

E vem aí o dia oficial da declaração de amor ao pai. E você pode fazer isso à mesa, que tal? Os restaurantes já estão com cardápios especiais prontos para embalar o seu domingo com ele. Veja em nosso roteiro quais são as sugestões dos chefs.

O Pecorino Bar & Trattoria aposta em dois pratos especiais para data. Destaque para Costoletta di Maiale alla Milanese (R$ 63), composto por uma costela de porco à milanesa com batatas fritas e salada de tomate e rúcula. Outra pedida é o Gamberoni alla Parmigiana (R$ 69), camarões grandes à parmegiana com linguine ao pomodoro e manjeiricão.

A casa, que já está aberta, aceita pedidos também através do telefone 3520-0186 e aplicativo IFood. Ao comprar sua refeição, o cliente participa da ação "Pecorino do Bem", ou seja, a cada prato solicitado através do delivery será feita uma doação para comunidades e pessoas carentes. Até o momento foram beneficiadas oito ONGs, seis hospitais e seis delegacias. Foram doadas 7.852 marmitas, 527 pizzas, três mil garrafas d’água de 1,5l.

O Mãe Joana, em Botafogo, oferece salmão crocante com risoto de quatro queijos (R$46). O cliente ganha uma long neck da cerveja Hoegaarden para cada prato comprado. A promoção vale para consumo no local e para pedidos feitos através das plataformas Chef's Club, Rappi e IFood, pelo telefone 3174-0862 ou pelo WhatsApp 988573321.

Mãe Joana (Foto: Dantas Jr.)

O El Peruano traz promoção especial. Comprando três sanduíches, de quaisquer sabores, o cliente ganha uma cerveja de 600ml de rótulo à sua escolha. A oferta é válida somente para consumo no local.

Na tranquila Rua Fonte da Saudade, na Lagoa, o Empório Urukum oferece feijoada completa, preparada como manda a risca, com feijão preto bem temperado e carnes como costela, carne seca, linguiça calabresa, paio e lombo. Para acompanhar, arroz branco, couve, laranja, torresmo e um shot de caipirinha de limão. Também no domingo, na turística Marina da Glória, o Empório Rio, convida os comensais a aproveitarem a data em sua varanda com vista privilegiada para a Baía de Guanabara. Em ambas as casas, a iguaria será servida em sistema de buffet liberado (R$72). 

O carioquíssimo Bar Leblon selecionou duas sugestões perfeitas para compartilhar. A primeira é a Costelada Leblon (R$119), uma releitura da vaca atolada. A costela é caprichada com molho e agrião para, em seguida, ser assada lentamente na cerveja preta. O aipim embarca nesse tempero. Quando pronto, o prato é servido com arroz fresquinho. Outra sugestão é o tradicional bobó de camarão (R$132) servido na moranga e acompanhado arroz branco. Já o brinde, fica por do chope caldereta (R$7,90) com direito a um refil e ao copo exclusivo da casa como cortesia para o pai que pedir um dos dois pratos sugeridos. 

A grife de buffet carioca D.A Gastronomia preparou um cardápio com combos que levam o nome de Pai Pop, Pai Cervejeiro, Pai Sommelier e Pai Natural. Entre as opções, o Pai Pop: quenelle de pato com calda de laranja, noisete de grana padano com goiabada de manjericão, guiosa de siri, fagottini de pera com gorgonzola, costela ao molho berbecue com batata rostie e cavaquinha ao molho champagne com soufle de aspargos

Pecorino - Gamberoni alla Parmigiana (Foto: Henrique Peron)

SERVIÇO

Pecorino Bar & Trattoria

Endereço: Av. das Américas, 4666 - Barra da Tijuca

Telefone: (21) 3520-0186

Horário de funcionamento: todos os dias das 12h às 23h

Mãe Joana 

Endereço: Rua Rodrigo de Brito, 14 - Botafogo

Telefone: 21 3174-0862

Horário de funcionamento: Terça, quinta e domingo, das 12h às 21h | Sexta e sábado, das 12h às 22h

El Peruano Sangucheria & Bar

Endereço: Rua Arnaldo Quintela 57

Telefone: (21) 97108-0732

Horário de funcionamento: 

Terça a quinta de 12h às 22h | Sexta e Sábado de 12h às 23h | Domingo de 12h às 22h

D.A Gastronomia 

Pedidos: até quinta-feira

Entrega: quinta, sexta e sábado. No domingo entrega apenas dos Kits Gourmet.

Preço: Consultar cardápio

Informações e pedidos: Tel. 21 99477-8641.

Empório Urukum

Rua Fonte da Saudade 187, Lagoa. (21) 2143-8131. Diariamente das 12h às 22h. Empório Rio: Av. Infante Dom Henrique, S/Nº, Aterro do Flamengo (21) 2556-1201. Seg. a qua. Das 12 às 16h. Qui a sáb. das 12h às 22h. Dom. das 12h às 20h.

Bar Leblon

Endereço: Av. Ataulfo de Paiva, esquina com a R. Rita Ludolf, 1321- Leblon. Tel: (21) 3596-3996 / (21) 99438-3478 (whatsapp). Delivery: barleblon.urbi.me . Funcionamento: Ter à Dom, 12h às 23h; Seg,  fechado.   

Por: REDAÇÃO DELOOX